Portugal

Presidente de Portugal manifestou o seu pesar pela morte de português raptado na Nigéria

O Presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, manifestou o seu pesar pela morte do português na Nigéria e expressou as suas condolências à familia de Pedro Machado, o português morto na Nigéria.

“Foi com grande consternação que tomei conhecimento do falecimento de José Machado na Nigéria, após um penoso período de incerteza quanto ao seu paradeiro, que fui acompanhando junto do Governo e também do meu homólogo nigeriano.” disse o Presidente da República, numa nota no site da Presidência da República na Internet

“O Ministério dos Negócios Estrangeiros teve hoje conhecimento da morte do cidadão português raptado a 23 de outubro na região de Kogi, na Nigéria. Foi com muita tristeza e profundo pesar que tive conhecimento do desfecho do rapto deste português. Vivemos desde a primeira hora o drama desta família. E com ela sofremos a sua dor neste momento. Resta-nos, agora, continuar apoiá-la”, disse o secretário de Estado das Comunidade Portuguesas, José Luís Carneiro, numa mensagem enviada à Lusa.

“Gostaria que o desfecho tivesse sido diferente” disse o Presidente da República.

Adicionar comentário

Clique para comentar